Analiticamente Incorrecto
2005/11/23
  Os lorpas somos nós
Por falar na inefável Lili Marlene e nos seus buracos, vejamos o resultado da auditoria do Tribunal de Contas ao Metropolitano de Lisboa, SA. N.º 20/2001 - 2ª SECÇÃO.

Nos contratos efectuados por esta sociedade e que estavam em curso em Abril de 2000, já existiam 62,5% de custos adicionais aos contratados.
Image hosted by Photobucket.com

Nos investimentos terminados em 1999, existiram desvios ao orçamentado, superiores a 80% do valor previsto inicialmente
Image hosted by Photobucket.com

O mais curioso ainda é a rubrica dos adicionais ao contrato. Mas Esta história dos adicionais não são os próprios investimentos? É a mesma coisa que um carro ser adquirido pelo preço dos tampões das rodas, sendo que o custo do carro em si vem nos extras.
Image hosted by Photobucket.com

Outro exemplo
Image hosted by Photobucket.com

Veja como é que o custo de um contrato foi superior 750 %
Image hosted by Photobucket.com

Boquiaberto? Não fique, olhe mais exemplos em forma de gráfico, nos quais os custos adicionais são superiores a 50%
Image hosted by Photobucket.com

Image hosted by Photobucket.com

Image hosted by Photobucket.com

Agora a cereja no topo do bolo
Um contrato com 63% de custos adicionais,
Image hosted by Photobucket.com
Ainda teve direito a um prémio por antecipação no valor de 60 mil contos na moeda antiga, cerca de 300.000,00 €.
Image hosted by Photobucket.com

Ou seja, os lorpas somos nós todos, menos os inteligentes que dominam a maioria…
 
Comentários: Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial
Qualquer análise tem um ponto de vista incorrecto, mesmo não demonstrado, mesmo sem formas de entendimento.

Nome:
Localização: Sobral de Monte Agraço, Estremadura, Portugal
Arquivos
Abril 2005 / Agosto 2005 / Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Abril 2006 / Setembro 2006 / Dezembro 2008 /


Powered by Blogger

Subscrever
Mensagens [Atom]