Analiticamente Incorrecto
2005/10/26
  Impertinências
Quando um ou mais órgãos de soberania: Assembleia da República , Governo , Supremo Tribunal de Justiça ou Tribunal Constitucional, que têm por função “Exercer o poder em nome do povo, a quem devem prestar contas, designadamente nas eleições, que são independentes uns dos outros, mas têm o dever de colaborar entre si”, pára voluntária, colectiva e temporariamente a sua actividade por reivindicações de vária ordem ou por protesto contra outros órgãos de soberania, isto não poder catalogado como uma tentativa de Golpe de Estado?
 
Comentários:
Que hagan huelga las juezas y las individuas del Ministerio Público....pero perpétua......Portugal irá mejor....
 
Caro amigo, atrevo-me até a dizer que façam greves a grande maioria dos funcionários publicos. Perpétuas.
 
Por lo que veo, la Justicia en Portugal anda tan mal como en España (salvo Baltasar Garzón)....
 
Nós par cá, nem o "Baltasar" temos.
 
La Justicia portuguesa de la época salazarista era respetada y respetable....
 
Na epoca salazarista, não era uma questão de respeito. Era de medo.
 
Greve de juizes = As raparigas sao guerreiras.....
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial
Qualquer análise tem um ponto de vista incorrecto, mesmo não demonstrado, mesmo sem formas de entendimento.

Nome:
Localização: Sobral de Monte Agraço, Estremadura, Portugal
Arquivos
Abril 2005 / Agosto 2005 / Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Abril 2006 / Setembro 2006 / Dezembro 2008 /


Powered by Blogger

Subscrever
Mensagens [Atom]